Passar para o conteúdo principal
x
SQL 2017 Linux

Quem imaginaria a Microsoft lançaria produtos para o Linux? Pois é verdade! Embora já esteja disponível à alguns dias, apenas hoje tive a chance de efectuar a instalação do Microsoft SQL 2017 em Linux (Ubuntu) e tudo funcionou perfeitamente.

Deixo de seguida os comandos que foram executados depois de terminar a instalação do Ubuntu 16.04.4

wget -qO- https://packages.microsoft.com/keys/microsoft.asc | sudo apt-key add -
add-apt-repository "$(wget -qO- https://packages.microsoft.com/config/ubuntu/16.04/mssql-server-2017.list)"
add-apt-repository "$(wget -qO- https://packages.microsoft.com/config/ubuntu/16.04/prod.list)"

sudo apt-get update
sudo apt-get install -y mssql-server mssql-tools unixodbc-dev


echo 'export PATH="$PATH:/opt/mssql-tools/bin"' >> ~/.bash_profile
echo 'export PATH="$PATH:/opt/mssql-tools/bin"' >> ~/.bashrc
source ~/.bashrc

 

sudo /opt/mssql/bin/mssql-conf setup

Neste ultimo passo, entramos no fundo na configuração do SQL 2017, onde vamos definir qual a "versão" a executar e qual será a senha de acesso do administrador do sistema. (sa)

Para aceder ao sistema de forma gráfica e a partir do Windows pode utilizar o SSMS (SQL Server Management Studio), ou para outras plataformas pode usar por exemplo o DBeaver, ou outras. (Deixe sugestões nos comentários)

Para restaurar uma base de dados e utilizando o terminal de comandos vamos aceder ao interpretador de comandos o Microsoft SQL.

sqlcmd -S localhost -U sa

RESTORE DATABASE IDDB
FROM DISK = '/var/opt/mssql/backup/YourDB.bak'
WITH MOVE 'IDDB_dat' TO '/var/opt/mssql/data/IDDB.mdf',
MOVE 'IDDB_Log' TO '/var/opt/mssql/data/IDDB_Log.ldf'
GO

SQL2017_LINUX_RESTORE.png

Deixo-vos ainda algumas ligações para poderem facilmente aceder aos recursos que a microsoft disponibiliza:

  • Para a documentação sobre como instalar o Microsoft SQL 2017 em Ubuntu Linux, clique aqui.
  • Para a documentação sobre como instalar o Microsoft SQL 2017 em Red Hat Linux, clique aqui.
  • Para a documentação sobre como instalar o Microsoft SQL 2017 em Suse Linux, clique aqui.
  • Para verificar as diferenças entre versões, clique aqui.
  • Para obter informação sobre como restaurar um base de dados existente, clique aqui.

 

Espero que este tutorial lhe tenha sido útil!

Até à próxima!

 

Deixem ficar os vossos comentários e sugestões!


Detectou algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a esse artigo? Colabore, clique aqui e ajude a melhorar o conteúdo.