Passar para o conteúdo principal
x

O Debian Linux

"Jovens", agora trago-lhes o Debian!
O Debian foi lançado em Agosto de 1993 por Ian Murdock, e depois esteve integrado durante um ano (entre Novembro de 1994 e Novembro de 1995) no projecto GNU da The Free Software Foundation, a organização iniciada por Richard Stallman e associada com a General Public License (GPL).

O Debian é um projecto mantido pelos seus próprios utilizadores e não há nenhuma obrigação comercial ou considerações para qualquer empresa ou estabelecimento comercial que, de qualquer forma, tente influenciar o desenvolvimento ou tenha voz no funcionamento do projecto, o que quer dizer que é feito pela comunidade para a comunidade. O Debian é considerado o sistema operativo universal porque para além das arquitecturas que suporta ele é um sistema multi-kernel, o que quer dizer que para além da versão linux (que eu utilizo sempre), existe a versão Hurd (micro-kernel do projecto GNU), e a versão com o kernel do free-bsd.

Curiosidade: Sabe a origem do nome Debian Linux? O Nome Debian é composto pelas primeiras 3 letras da então namorada de Ian e o nome do próprio do seu criador: Debora e Ian = debian

main-qimg-436c9bdd802fb95385830fc0e6a04552.gif

Então porque é que eu uso o Debian Linux?!
Estabilidade e segurança!

Já o uso à mais de 15 ano e eu prefiro essencialmente a estabilidade e segurança do sistema debian! Já sabemos por isso que no debian não temos sempre os mais recentes pacotes de software.

Há muitos relatos de máquinas, eu tenho também um exemplo disso com um servidor ZM,  com o debian instalado, que trabalham por diversos anos sem serem reiniciadas, claro que se efectuarmos actualizações (o que é sempre recomendado) ao sistema é muito provável que haja a necessidade de reiniciar a máquina. Embora a maioria das distribuições tenha um ciclo de actualizações semestrais ou rolling-release, o debian segue seu próprio ritmo para actualizar as suas versões com as point releases, que trazem actualizações correcções de erros mas sempre de forma a manter a estabilidade. A equipa de desenvolvimento do debian, faz as novas implementações e correcções necessárias aos pacotes que depois os "congelam". Estes pacotes passam então à analise profunda e exaustiva por parte dos administradores do projecto que decidem disponibilizar esses pacotes para a incorporação final. Afinal sua filosofia é : "O debian está pronto quando fica pronto!"

O debian suporta muitas arquitecturas de hardware, oficiais e não-oficiais (alpha, amd64, armel, hppa, i386, ia64, mips, mipsel, powerpc, s390, sparc e outras).
O seu arquivo de software debian é colossal contendo mais de 55 000 aplicações diferentes e com suporte a todas as arquitecturas de hardware.

O debian sempre foi e será sempre livre, e sempre que qualquer software é escrito para ser incorporado no debian este permanecerá livre e será licenciado de acordo com as premissas do software livre, isto porque este é um compromisso publico de toda a comunidade debian.

"Nós prometemos que o sistema debian e todos os seus componentes serão livres de acordo com essas definições. Nós forneceremos suporte às pessoas que desenvolvem ou usam software livre e não-livre no debian. Nós nunca faremos o sistema depender de um componente não-livre."

São mantidos repositórios contrib e non-free (não-livres) que embora não sejam livres, estão operacionais para trabalhar no debian e é oferecido suporte aos mesmos.

E o ambiente da área de trabalho?!
Bem aqui o utilizador pode usar o que quiser! GNOME, KDE, XFCE, LXDE, Cinnamon, entre outras.
Pode escolher o ambiente que quiser, instalar o tema que quiser com o conjunto de icons que quiser... no fundo pode customizar o ambiente da área de trabalho como gostar!

xScreenshot-from-2016-06-01-11-39-30.png.pagespeed.ic.YSlLezDanc.png
GNOME

 

KDE_Debian
KDE


E o que é que eu faço no Debian?! TUDO!!!

Faço os relatórios, analises para clientes, cadernos de encargos, apresentações, acções de formação, etc. 

Desenvolvimento e implementação de SGBD como o DB2, Oracle, PostegreSQL, MariaDB, MySql, desenvolvimento de soluções de software, em Java, Python, php, Qt, C. etc.

Escrevo estes artigos e tutoriais para o blog!

Nota : Este blog não é a minha vida profissional! Não ganho a vida com ele! Ele é apenas uma forma de transmitir algumas das minhas experiências, expectativas, preocupações e conhecimentos a alguns caros amigos!

No fundo não há nada que eu não consiga fazer no meu dia a dia com o debian.

 

Espero que este artigo lhe tenha sido útil!

Até à próxima!

Deixem ficar os vossos comentários e sugestões!

Detectou algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a esse artigo? Colabore, clique aqui e ajude a melhorar o conteúdo.