Passar para o conteúdo principal
x
elementary_os_lobster_wallpaper_by_geocoolnd-da14esi.png

O Elementary OS

Como tinha dito num artigo anterior existem algumas distros que quero experimentar durante este ano. Algumas dessas distros têm sido muito faladas ultimamente principalmente pelos visuais arrojados, avançados e diferentes. Hoje, "jovens", trago-lhes o Elementary OS, que tem como um dos objectivos reduzir o uso do terminal e ser o substituto directo do Windows ou OS X, que foi o primeiro a ser testado e não desiludiu... embora ainda haja um caminho a percorrer para se tornar uma alternativa ao meu estável Debian 9, que é o que utilizo no meu dia a dia para tudo!

Começando pelo visual, algo que é sempre muito pessoal, o Elementary OS tem uma boa apresentação, mas com um tema que não é muito bom. O misto de modificações da distribuição com o tema Adwaita do Gnome, fazem com que o sistema tenha grandes barras de títulos e um conjunto de ícones que não me agradaram.
O problema foi "resolvido" com a utilização do tema e ícones Material, o estilo flat proposto por esse tema, caiu como uma luva para o visual base do Elementary OS, deixando o mais bonito e elegante.

As apresentações de notificações são agradáveis e funcionam bem, agradou-me o facto do Elementary contar com uma opção de fácil acesso para interromper as notificações...

A Dock do Elementary é um dos pontos fortes da distribuição, bonito, prático e eficiente. O menu também é interessante, um misto de menu KDE 5 com o Dash do Gnome, oferecendo alto foco nos ícones, tem um rápido sistema de procura, sem ocupar o ecrâ totalmente.

 Elementary_01.jpg

O posicionamento de botões nas janelas do Elementary OS é uma experiência totalmente diferente e certamente irá estranhar, pois ele coloca um botão em cada ponta da janela, o que me incomodou um pouco tendo resolvido com o Elementary tweak e colocando essas opções mais de acordo com o tradicional.

Elementary_02.jpg

A central de aplicações é um dos focos principais da equipa, onde eles trabalham para oferecer uma loja integrada com repositórios e capaz de fornecer um sistema simplificado de instalação e actualização. A proposta de central de software já é muito antiga nas distribuições Linux mas oferecer aplicações pagas e com opções doação, tal como ocorre actualmente com o Android, é uma situação que já foi tentada também pela Canonical no Ubuntu mas que nunca fora levada muito a "sério", dando sempre atenção maior para as aplicações gratuitas. A vêr vamos...

A central também tem um visual dedicado ao Elementary, sendo a personalização da central de aplicativos do Gnome, mas com divisão de categorias de modo mais visual e agradável. Já existe uma grande quantidade de aplicações, entre gratuitas e pagas.

 

Em resumo, o Elementary OS, baseado no Ubuntu, mostrou-se um sistema agradável, elegante e confortável para o utilizador. Existem ainda pontos que devem ainda ser alvo de melhorias, como a escolha do tema base, mais ferramentas de personalização para a Dock, ajustes da central de aplicativos entre outros, mas ao considerar que o Elementary ainda não lançou a sua primeira grande release, não há motivos para não o experimentar e testar!

 

Espero que este artigo lhe tenha sido útil!

Até à próxima!

Deixem ficar os vossos comentários e sugestões!

Detectou algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a esse artigo? Colabore, clique aqui e ajude a melhorar o conteúdo.